quinta-feira, 31 de julho de 2008

Falta-me um bom tanto de boas coisas. Embora eu esteja numa boa fase de boas coisas.
A paciência, o conformismo, a solidão, a tristeza, os surtos, aquela paz misturada com raiva. Tudo isso me falta, agora.

Prefiro continuar com essas faltas. Quero apenas continuar assim.
Quero que apenas eu mesma nunca falte a mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário